24 de julho de 2009

Alianças de Compromisso

Não gosto. Não gosto mesmo nada. Excluo já deste post as alianças de casamento e as de noivado. É normal que, sendo o casamento uma cerimónia, um ritual, tenha associado um símbolo. E, se um dia, for pedida em casamento, espero que haja anel, sim senhor!, e muitas lágrimas de emoção e muita lamechice como convém.

Agora… alianças de compromisso? Simbolizam o quê? É para olhar para o dedo e não nos esquecermos que temos um compromisso? Senão, o quê? Ai que amnésia que me deu, será que estou comprometido? (Olha para o dedo). Ah, estou, agora já me lembro.

Uma aliança não é uma tatuagem. É só querer, precisar, dar jeito e ela sai, ui!, que é uma facilidade. Alguém que queira desrespeitar o compromisso, é por usar aliança que vai deixar de o fazer? É por isso que o compromisso se torna…mais sério? Não me parece nada. Eu sou uma rapariga de namoros longos, de anos. E nunca usei nada no dedo. E tanto que as minhas mãozinhas me agradecem! E conheço casais que trocaram alianças e aquilo acabou que foi um ar que lhe deu. É uma prova de amor? E o carinho, o respeito, a paixão, a amizade, a cumplicidade, a fidelidade…todos os dias. Não é isso O Amor?

Acho piroso. Acho fatela. Acho feio. Acho para inglês-ver, que é como quem diz, para os outros verem. Não sei se prefiro alianças de comprometido, daquelas fininhas, de ouro (detesto ouro!), com os nomes de ambos gravados e a data de seja lá o que for ou cães de louça. Mas, tendo de ser, acho que sou mais pelos cães de louça.


Adriana Lima




[Se precisarem de mim a partir de amanhã, é procurar em Vilamoura. Estarei algures por lá. Eheh.]

48 comentários:

Hermione disse...

poderia ter sido eu a escrever este post, tal é a forma como me identifico como tudo o que escreveste :)
ja diss ao R. 'meu querido se alguma vez me quiseres pedir em casamento é bom que o anel de noivado esteja presente' :)
a serio cat, assino por baixo. beijinho querida, diverte-te, porque mereces :D

Swadharma disse...

CONFESSO:Eu gosto da ideia!
Mas não consigo utilizar =D
Mas não, não é para as 'outras' não saberem. É simplesmente porque não suporto NADA disso:aneis, pulseiras... quinquilharia neste corpinho não entra! Lol =D

Quando era anilhado usava esporadicamente. Diariamente nao conseguia... estava sempre com o mindinho a esfregar a dita.Lol, ficava sem pele no mindinho!
Não uso relógio nem nada.
Irrita-me!

Beijoca*

~ rita disse...

Olha, eu nem adoro nem detesto: é-me indiferente. E não acho mal, embora concorde bastante contigo, agora que penso nisso.

Lolita disse...

Pois eu também sou da mesma opinião, também sou de namoros longos e não preciso de um anel só para verem que tenho alguém. beijinho*

Dexter disse...

Sinceramente tb n gosto nada, mas cada um sabe de si! Eu até tenho as minhas reservas com as alianças de casamento, n gosto de usar anéis, e faz-me impressão ter uma coisa à volta do dedo. Mas pronto, de casamento aceito...

Mas era incapaz de usar a de compromisso...nem que fosse a Adriana Lima a pedir-me :p

Zaahirah disse...

Para mim são-me indiferentes, mas confesso que as vejo um pouco como uma espécie de marcação de território. É como se a partir daquele momento as pessoas passassem a usar uma placa na testa a dizer: "tenho dono/a".

Se um dia me tentarem oferecer uma mas com a filosofia de "é para possuírmos um objecto pessoal comum", aí talvez veja a coisa de outra maneira... ou não...

Diverte-te lá pelos Algarves!! **

Lady me disse...

Sou completamente da mesma opinião! Mesmo! Não tem piada nenhum! Credo! Conheço pessoas que desde os 16 anos até agora, prai com 20, 21 já tiveram prai 3 ou 4 alianças de compromisso! QUE FOLEIRO!

Bem, pra semana também vou pro Algarve :D

Boas férias!

S* disse...

Já eu acho que é bonito aceitar que os outros têm ideias diferentes menina Cat.

Um anel, supostamente, será um sinal de amor. E não é fatela nem piroso. Nem para ingles ver.

Só se for uma GRANDE IDIOTA ou uma GRANDE IMBECIL usam alianças para mostrar aos outros. Ou para nao se esquecerem que namoram.

Eu usei uma durante três anos e adorava-a. Emocionava-me. Nao a tirava nunca. Olhava para ela e simbolizava o amor que sentiamos. Onde está a pirosice disso?

Bea disse...

Também não gosto, acho um pouco piroso. Mas há quem goste e há que respeitar :) Boas férias, Cat *

José Piçarra disse...

Eu cá uso aliança de compromisso, já lá vão uns aninhos por isso posso dizer que o investimento não foi feito à toa.

E desculpa que discorde, Cat, mas é como usar um piercing ou fazer uma tatuagem num local bem visível do corpo: uns usam para mostrar a terceiros e outros usam porque, para eles, significa alguma coisa, e consequentemente não se importam que seja visível e notório.

Mas como ter uma tatuagem ou um piercing é mais rebelde, mais in e mais fixe do que usar um anel no dedo anelar, ai ui, não, não, uma tatuagem não serve para mostrar aos outros, indica que é uma pessoa muito espiritual e coiso e tal... :)

Rosie Dunne disse...

para mim tanto me faz. se for um anel giro... xD mas acho que só a casar é que isso faz sentido

Dexter disse...

Ahh já agora...BOAS FÉRIAS! :D

Jedi Master Atomic disse...

"E, se um dia, for pedida em casamento"

CatMan, estás a ler isto ???? É uma dica subtil !!! LOL


Eu também acho fatela esse tipo de alianças. Mas sabes que mais? As raparigas solteiras metem-se mais com os rapazes com essas alianças que com os outros. E vice-versa !!! É até uma tactica usada por rapazes solteiros quando vão "à caça"...lool (não, por mim não :P)

Rapariga do Batom Vermelho disse...

Bem, eu sou mais uma do contra... Uso aliança há mais de dois anos (namorava há mais de três quando comecei a usar) e foi só um pequeno passinho de uma relação que já era muito madura. É um símbolo e não vejo nada de vergonhoso nisso. Aliás, tenho muito orgulho em usá-la. Se é para mostrar aos outros? Só se eu fosse muito pequenina de mente. É nossa, significa o que significa para mim e para o meu namorado e ponto.

Se acho mal que as pessoas troquem alianças de namoro por qualquer curte mais demorada? Acho, claro! Mas só essas se encaixam naquilo que defendes. Porque há as pessoas e as pessoas, ou as pessoas e as pessoinhas. Assim como há os namoricos, os namoros e os senhores namoros.
Acho mesmo que trocar alianças de namoro é uma maneira de marcar um ponto da relação (para os dois) em que ambos acreditam que as coisas dificilmente quebrarão e que é para sempre. Aqui, para quem fizer sentido, claro.
Mas não concordo nada com a ideia generalizada de que só se usa para marcar território e para prender as pessoas uma à outra.

Para além disso, é verdade que os namoros não são comemorados segundo um ritual, mas, emocionalmente falando, o que é que torna mais legítimo defender o uso da aliança de casamento do que o uso da aliança de namoro? Que eu saiba, na generalidade, para casar é preciso namorar primeiro. Uma etapa segue (ou pode seguir) a outra e, à partida, é verdade que a segunda deverá ser mais firme ainda do que a primeira. Mas os casais casados não se traiem? Os casais casados não se separam? As pessoas amam-se menos no dia das despedidas de solteiro do que no dia em que trocam alianças em frente ao homenzinho do notário e ao padre? Tenho as minhas dúvidas.

E, já agora, quão fatela sou eu por usar aliança e ter uma tatuagem que literalmente me liga ao meu namorado?

Isso parece-me aquela história dos noivos que vão convidar as pessoas para assistirem à celebração do seu amor e dizem: "vamos casar, logo veremos no que dá". E a minha filosofia é totalmente outra: "vamos usar aliança, vamos tatuar o corpo, vamos casar, porque agora, do mais íntimo (e consciente, vá!) de mim, acredito que nunca nos separaremos".

"Agora… alianças de compromisso? Simbolizam o quê? É para olhar para o dedo e não nos esquecermos que temos um compromisso? Senão, o quê? Ai que amnésia que me deu, será que estou comprometido? (Olha para o dedo). Ah, estou, agora já me lembro." Isto não se aplica também às alianças de casamento?

Desculpa o tamanho do comentário. Mas isto é que é o bom da blogosfera, a troca de ideias!;)
Beijinho, Cat:) *

Sara. disse...

É como ser um pombo, tem anilha.

=P

Miss Kitty disse...

também não vejo a utilidade da coisa. Mas o anelito de noivado (coisa mai linda) acho que não há mulher que dispense ;)

BJS*

Rapariga dos caminhos abstractos disse...

E eu concordo . Que utilidade? Se é pra não fugir usem algemas ...

Maria disse...

Subscrevo totalmente..

QUanto a estares por Vilamoura.. Aproveita..=)

beijinho.

Anna disse...

De facto, usar para inglês ver é pura idiotice! Usar para mostrar um estatuto aos outros é pouco racional mesmo! Lembro-me de um amigo cuja namorada vivia longe dele e que só aparecia de aliança quando ela estava com ele... sacana, é só o que tenho a dizer!...

Penso um bocado como a S* - se é símbolo de um amor, de algo bonito, então porque não?! Se a usas, que seja porque queres, porque gostas, porque ela é sinal de algo maior que transcende o material. Não precisas de provar nada a ninguém, mas se ela representa alguma coisa para ti, nada contra usá-la!

Eu nunca usei nenhuma, e não me parece que isso tenha tido alguma relevância... Mas se os dois achássemos que seria bonito e significativo fazê-lo, então teria usado sem qualquer restrição...

Boas férias para ti!! Aproveita bem!!

Beijinhos*

anisca disse...

Eu não gosto de anéis, pulseias, fios e afins... mas ultimamente até ando com o fio de ouro que a minha avó materna me deu quando nasci. Apenas me lembro de o usar na primeira comunhão, profissão de fé e no crisma.
Aparentemente, não tem nada a ver com alianças...
Mas o facto de ultimamente já não conseguir conversar com ela, pois a arterioesclorose nos seus 96 anos faz estragos, talvez me tenha levado a este gesto...
Da mesma forma, um casal pode sentir necessidade de encontrar um simbolo visivel do seu amor.
Agora, também é verdade que há gente para tudo...

Kikas disse...

acho horrivelmente piroso, isso das alianças de comprometido. e também sou uma rapariga de namoros longos, o que significa que isso não significa nada! boas férias :)

♥ Guida disse...

Bingo! Acho piroso. Acho estúpido. Acho desnecessário! Mas isto sou eu. E já me fartei de falar sobre este assunto com o Paulo :P E venha o anel de noivado!

Isso dos anéis de compromisso é chunga e nem sequer fica bem com a roupa. E deve haver por aí malta com colecções de anéis destes :\ Tenho dito!


Beijinho

Lady me disse...

Cat que tás de fériaaaaas! Miminho no meu blogue :)*

disse...

Concordo, concordo e concordo. Acho ridículo.
Boas férias Catzinha - são bem merecidas!

Petra Pink disse...

olá gostei deste blog.
Concordo com o que dizes eu aceito alianças de casamento por causa do símbolo dado que é um marco fulcral na nossa vida.
agora aliancinha de namoro? para q? para andar anilhado como os pombos?
lolllll não não... beijos e parabens pelo blog

Jojozinha disse...

ATE Q ENFIM!
encontrei alguem como eu!

Rita disse...

Eu tb não acho piada nenhuma às alianças de comprometidos.

Beatrice von Bismarck disse...

Olá Olá

Diz-se por aí que estou de volta...

bj

lemon(ite) disse...

1. hehehehe tb não gosto nada de anilhas... A banalização dos aneis para tudo vai obrigar a pôr uma legenda associada tipo um papel ou plastico associados com direito a setinha (este é das seis semanas de namoro, não não é de noivado, não não me casei, não não é de divórcio). Com tantas coisinhas e coisonas mais valia um fio ao pescoço com a colecção de aneis.
MAS... claro que respeito quem gosta!

2. a adoração pelo professor de psiquiatria deve ser transversal a quase todas as facs de medicina. Bem me lembro dos suspiros da ala feminina nas aulas do Dr Esteves..

Boas férias!

Patrícia disse...

Acho bonito... nas mãos dos outros! :P (Mas também quero uma quando casar!)

Boas férias Cat! Have fun!

Olhos Dourados disse...

Eu cá sou da opinião da rapariga do batom vermelho.
Uso aliança e não é para os outros verem, é um simbolo para nós os dois.
Claro que gostos são gostos! Eu também não gosto de tatuagens, e quem as faz também faz porque gosta e ninguém tem nada a ver com isso.

evita sai-me da mota disse...

Eu já usei aliança de comprometido durante uma relação longa... Neste momento sei que nunca mais usaria, porque não vejo a necessidade disso, é apenas uma simbologia.
Deixei de acreditar em símbolos. Há medida que vamos adquirindo alguma experiência de vida, vamos criando ideias e conceitos, e agora, quando tiver uma relação longa será uma relação para ser vivida a dois, não para ser simbolizada e vivida por terceiros.
Quanto a quem usa, nada tenho contra, com excepção quando conhecemos as pessoas que não respeitam o outro.
Gostei do post;)
Bisous....

aka pink disse...

E ainda bem que há pessoas com ideias diferentes, se todos gostassem de preto o que seria feito dos góticos?! depois era tudo muito preto, tudo igual... Isto é o bom de poder escolher de acordo com os gostos ou opções, e assim é que é giro! Ah e respeitar as opções de cada um também é bonito ;)

aka pink disse...

Esqueci-me de desejar boas férias!

aka pink disse...

Esqueci-me de desejar boas férias!

Ana disse...

Concordo contigo. Até porque o meu ex-namorado deu-me uma aliança carissima mas simplesmente não me deu aquilo que verdadeiramente queria. Apenas tristezas. Acabei com ele e ele pediu-me a aliança de volta e foi fazer uma para a actual namorada (enfim).

É verdade que é superficial e num namoro há coisas mais importantes... mas admito que gostava que o meu actual namorado me desse uma *.*

Adorei o teu blog. Beijinhos

Rabisco disse...

Olá Cat!
Isso é que é uma verdade verdadinha...
Alianças não são mesmo sinónimo de nada disso e se esse tal sentimento tem de ser provado e lembrada, então que o seja no dia-a-dia...
Mas existe quem puxe pela imaginação e encontre outros objectos simbólicos no lugar de anéis...
E aí vale tudo!
Eheheh

Beijinhos e boas férias

Marianne disse...

Eu usei duas alianças de comprometida e aprendi a lição: na primeira relação a coisa acabou mal num dia em que ele resolveu dar-me um estalo. Na segunda, duas semanas depois de me ter oferecido a aliança encornou-me. Muito bonito, o gesto...

Agora estou noiva sem anel de noivado. Não foi preciso, não faço questão. Fui "oficialmente" pedida em casamento já depois de ter marcado quinta, igreja, etc (mas obriguei-o a meter o joelhinho no chão!).

Ainda não comprámos as alianças de casados, mas andamos a ver. Serão um símbolo do que (esperamos!) nos unirá para sempre!

Beijinhos e bonnes vacances!

Solteira de Salto Alto disse...

Para solteiras... ou não: Aqui fica o mais recente link,

http://odiariodesolteiras.blogspot.com/

Miss Kin disse...

Ao menos os cães de louça, podem ser escondidos bem no fundinho de um armário que ninguém dá por nada, já a aliança...

Acho que mais depressa a aliança se torna um chamariz para outras mulheres (sim, acho realmente isto!) do que afasta as tais predadoras, logo, se eles forem fracos, "já foram"!

Cat disse...

Hermione: ah pois. Anel de noivado, joelho no chão e violinos a tocar :D beijinho querida *

Swadharma: mas tu és um romântico :) não fosse a alergia a quinquilharia ;)

~rita: ah, pus-te a pensar ;)

Lolita: claro! :)

Dexter: tens a certeza que se fosse a Adriana Lima...? :P

Zaahirah: quem marca território são os animais :P

Lady me: também já estás de férias, boa! :D Com essa idade tantas alianças, só se vê o que elas NÃO simbolizaram.. Obrigado pelo miminho, querida.

S*: e tu, como já tens feito, noutros posts meus confundiste novamente uma opinião diferente da tua com falta de respeito/aceitação. Eu aceito perfeitamente bem que quem goste, use. Quem veja sentido nisso, óptimo. E penso que é dispensável dizer que, como este blogue é meu e sou só eu que escrevo nele, este post reflecte somente a minha opinião e não a de mais ninguém. A minha é esta. A tua é outra? Acho óptimo e aceito-a. No dia em que suspeitar que as únicas coisas que tenho para escrever, são coisas com que todos concordem, provavelmente este blogue acaba. Não gosto de carneirismos. Se há coisa que valorizo e aceito são as opiniões diferentes. Não podes é confundir ACEITAR com GOSTAR. Se eu ti visse passar com uma aliança dessas, achava piroso. Se te visse passar com umas leggings padrão tigresa, também. Ah, e o amor até me parece um tema bem propicio a grandes pirosices. Há quem adore ursinhos de peluche com um coração a dizer "amo-te" e tatuagens com o nome do respectivo. Simbolizam o amor. Eu continuo a achar piroso. E por favor, não leves este comentário (nem os posts) como ataques pessoais. Beijinho

Bea: claro!

José Piçarra: não tens de pedir desculpa por discordar. Cada um gosta do que gosta e felizmente que gostamos todos de coisas diferentes. Uns com tatuagens, outros com alianças e ficamos todos felizes! Ah,e há tatuagens bem pouco espirituais! :P

Rosie Dunne: geralmente não acho as alianças nada giras..

Jedi: não é uma dica p/o CatMan, só tenho 21 anos, homem! :O LOL Não sabia que era usado com o sentido contrário mas agora já fiquei a saber. Estranho, estranho.

Rapariga do Batom Vermelho: não tens nada de pedir desculpa, eu agradeço o comentário e se há coisa que gosto é troca de ideias. Além disso, ainda bem que somos todos diferentes, não é? Se não, era uma seca. Chego à conclusão que é uma questão de gosto, sabes. Há quem goste e há quem não não goste. Eu compreendo e respeito muito tudo o que disseste. Só que onde tu vês sentido em assinalar com uma aliança o momento em que uma relação se torna assumidamente para durar, eu considero isso desnecessário. Não preciso de uma aliança. Porque para mim basta o que sinto e o que sei que reciprocamente o outro sente. Claro que os casamentos também acabam, também há traições, também há tudo o que pode existir no namoro. Mas para mim, a aliança é um símbolo do casamento. Que entretanto se generalizou de uma tal maneira que, como alguém comentou por aqui, já ninguém sabe se as alianças são de namoro, de casamento, de noivado, de divórcio, de amizade... Beijinho e obrigado mesmo pela extensão do comentário :)

Sara: e como as latas de refrigerante.

Miss Kitty: anel de noivado e joelho no chão, fax'avor!

Rapariga dos caminhos abstractos: se calhar também usam! :P

Maria: aproveitei muito bem :D

Anna: e devem existir muitos mais além desse teu amigo... Claro, cada um sabe de si. Quem vê nisso algum sentido, força.

anisca: 96 anos? uau! Isso a mim não me parece nada piroso. Parece-me bonito! Deve ter a ver com não ser generalizado. Não gosto é da generalizaçao.

Kikas: bingo! :D

Guida: ele é da mesma opinião que tu? O P. felizmente é! :) Claro, ninguém quer andar com a roupa descombinada por causa de uma aliança! ;)

Bê: mas agora usas uma, aposto!, linda no dedo, querida :)

Cat disse...

Petra Pink: aliança de noivado, com tudo a que temos direito :)

Jojozinha: e pelos vistos, não somos as únicas!

Rita: somos duas!

Beatrice von Bismarck: vou passar por lá!

lemon(ite): Dr. Esteves? Não conheço? Pois, a aliança foi banalizada de uma forma que, agora, quando se vê uma aliança já ninguém sabe o que quer dizer.

Patricia: é como as roupas que ficam giras nos outros mas eras incapaz de usar ;)

Olhos Dourados: claro, cada um sabe de si. Eu não tenho absolutamente nada contra, nos outros. Eu é que não gosto. E pelos comentários, acho que chego à conclusão que acaba mais por ser uma questão de gosto.

evita sai-me da mota: considero desnecessária, aí está uma boa palavra.

aka pink: claro, é o que eu acho. E já esperava (e ainda bem) que houvesse opiniões diferentes. Mas há alguma coisa que te leve a pensar que eu não respeito todas as opiniõe?

Ana: deu-ta, tirou-ta e deu à actual namorada? Que coisa tão feia!

Rabisco: isso é outra história. Um símbolo que seja só dos dois e que, simbolicamente ou aparentemente não tenha outro significado :)

Marianne: ora aí está um bom exemplo da pouca "utilidade" que tiveram as alianças!

Solteira de Salto Alto: vou passar por lá ;)

Miss Kin: essa também é uma boa teoria, a do efeito contrário!

S* disse...

Olá Cat,

Como já tenho feito? Bem, não sabia que tinha fama de implicativa. ;) Como deves calcular, só leio os blogues (e comento) de pessoas com quem simpatizo, como é o teu caso.

Mas acho que é uma "moda" ser contra tudo o que simboliza o amor. Toda a gente resolve dizer que é contra alianças, contra o casamento e coisa e tal. Fui educada de outra forma e tenho muito gosto em ser romântica, sem ser lamechas. :P

E não, nunca são ataques pessoais. A unica pessoa na blogosfera que me fez nutrir uma espécie de odiozinho foi simplesmente ignorada.

Gosto de ti Cat. Ou melhor, gosto do blogue, do que escreves. És inteligente e divertida e é por isso que leio e comento. Mas "irrita-me" de alguma forma que se chame piroso a alguma coisa que deveria simbolizar o amor.

Kiss *

Cat disse...

Querida S*, só provaste ser a rapariga inteligente e prspicaz que eu suspeitava que eras :) Compreendo-te. Não sou contra tudo o que representa o amor. Há coisas bem lamechas e pirosas que adoro. Consigo ser bem pirosa (e cor-de-rosa:)). Se calhar só não são as mesmas que tu, tive azar! Mas não sou contra tudo e acho maravilhoso que sejas romantica e acredites nas coisas.

Beijinho :) *

*B* disse...

Eu gostava de tatuar a minha aliança ;)



Querida Cat, e as férias, hum?!

*B* disse...

Miminho no meu blog ;)

Pinkk Candy disse...

já usei em tempos, quando era mais pita *_* loool
mas agora acho muuuuuito piroso e sem sentido nenhum!!!
mas olha, cada um faz o que quer! e anda como quer. gostos ;)

xoxo

gimbras.nofuturo.com disse...

Que giro. Eu também não gosto nada de alianças de compromisso. Nem das outras!
Já tinha falado nisso num post meu:
http://gimbras.nofuturo.com/rapidinhas-do-mundo-de-gimbras-8

P.S.:Outra vez a foto da Adriana? Ou será que és tu e és muito parecida com ela?
:P