21 de abril de 2009

A saga continua.

Hoje ao lanche, depois de atender uma chamada de um nº 21... desconhecido, comentei com o P. que não gostava de atender chamadas de 21's desconhecidos, com medo que fosse da Biblioteca.

E ele disse (atreveu-se!): "Tu queres que eu os vá lá entregar? Posso dizer que são da minha irmã ou assim"...

AHHH, NÃO TINHAS PERCEBIDO?






[Prometo que é a última vez que falo deste assunto aqui.]




10 comentários:

mary disse...

namorado tão prestável :D demorou a compreender mas percebeu :P lool *

*B* disse...

=D

Coitado, tu não cumpres as coisas e o P. é que dá a cara!

Que querido!

Beijinho, Cat

ML disse...

Que namorado simpático :)

disse...

Espertinha! E ele, um querido ;)

Marianne disse...

Ora deixa-me cá dizer-te uma coisa (que nada tem a ver com este post em particular): ando pela blogosfera há coisa de 6 anos e NUNCA, em momento algum, encontrei um blog escrito por uma "miúda" da tua idade (não é depreciativo, atenção) que fosse sequer 1/10 de bom do que é o teu.

Parabéns. Escreves que é uma delícia! (Li tudo e bati palmas mentalmente. keep up the good work!)

Charlie, The Sinner disse...

Eu não atendo números privados nem fixos desconhecidos! Móveis atendo, se não gostar... Bloqueio! Querem atenção? Identifiquem-se e esperem que eu goste de vocês, ah!

Beijinho

Anita disse...

O namorado é um querido:)

Menina do Mar disse...

loool o teu namorado é um querido! :)

Dexter disse...

Ai está, tarefa de namorado!

A mim tb me cabem umas dessas...

pedro disse...

lol es tao mazinha