16 de abril de 2009

Eu e o meu namorado temos uma política de solidariedade. Fazemos favores, daqueles que à própria pessoa custam sempre... mas ao outro, nem tanto.
Exemplo:
1. Eu dei um recado chato, dele a um amigo, com a desculpa de que ele não tinha saldo.
2. Ele desmarcou as reservas em meu nome, num hotel, sabendo eu há semanas e semanas que ia ter de desmarcar (mas deixei passar... até ficar quase para a véspera).

Ora tenho ali três livros de uma Biblioteca Municipal de Lisboa cuja data de entrega é / era / foi em Maio de 2008.

...E não é que ele mora perto da Biblioteca? Tururururu... (Ele é que ainda não sabe!)
Eu sou terrível e destesto pessoas como eu, incluíndo a mim própria, por ser assim. Estou inscrita em três bibliotecas e já aconteceu estar suspensa durante meses e meses, ao mesmo tempo, das três. Já para não falar destes três livros que tenho para entregar: "Ensaio sobre a Cegueira", tenho-o e já o tinha lido no mínimo umas três vezes, só que tinha-o emprestado, nesse momento; "Romeu e Julieta", já tinha lido também, para o Teatro e "A República" de Platão, enganei-me e não trouxe o original mas os resumos da Europa-América.
Eu sinto-me mal por ser assim, juro. Só que não consigo ser diferente.

14 comentários:

Pedro disse...

Aah, eu é que vou lá? LOL hmm.. cheira-me que esta política de solidariedade tá desequilibrada! Então e a multa quem paga? xD

Cat disse...

Não existe multa! Só 2 dias de suspensão por cada 1 dia de atraso.

Dexter disse...

Eu tenho uns livros da biblioteca de Oeiras desde 1996...:x

Agora sempre que lá vou é com o cartão do meu irmão, apesar de já ter tentado convencer a minha namorada a fazer um p eu o usar a tempo inteiro, mas ela n vai na conversa pk já sabe do que a casa gasta...

Cat disse...

Dexter, 1996? Wooo! E eu a pensar que tê-los desde há 1 ano era mauzinho..!

Dexter disse...

Ya...estão na cave e ainda lá têm aquele selozinho da biblioteca...

Eram livros de banda desenhada...2 do Lucky Luke e um do Asterix...e ainda um de "Uma Aventura", se n estou em erro...ou isso ou o Clube das Chaves lol. Já vão longe os meus 12 anos...

disse...

Eu também sou assim - o que me custa mesmooooo fazer peço sempre ao P. - já ele é não faz o mesmo e eu digo "melhor para mim"

Fifi & L disse...

Oi oi!!!
Passei para cuscar o teu blog hj pela 1ª vez :D
E vou voltar mais vezes porque gostei ;) nice!
E quanto aos livros....ai ai ai!!
Vá tens que ir (ou mandar alguem)entregá-los!!! :D hehehe! Beijinhos^^fifi^^

Charlie, The Sinner disse...

Acho que esse é um mal geral, mas ó, as coisas que o amor não faz :P

Beijinho

ADEK disse...

Ms Serena, como é?:P Em uppereast side as meninas de bem devolvem os livrinhos a tempo:P

Cat disse...

Pois... =$

Inês Bandeira disse...

Hahaha deixa lá sempre tem a sua piada e manténs os teus fiéis leitores entretidos

JorgeMiguel disse...

Há coisas que me põem fulo.
Uma delas é quando pesquiso livros na Rede Municipal de Bibliotecas de Lisboa e encontro livros que me interessam levantar mas verifico que estão para devolver há uma série de meses, senão anos!...
Ahhh...
Então Catarina, tu és daquelas pessoas que me põem fulo!
Se nos cruzarmos na Biblioteca Municipal Central no Palácio Galveias no Campo Pequeno...
...vamos ter muito que conversar!
Mas claro, conversar também por outros bons motivos! ;-)
Seja numa das boas exposições do 1.º piso seja entre os belos pavões do jardim do palácio.
Beijo!

P.S.: Aí o Dexter também me põe fulo ;-) pois o mesmo também me acontece em pesquisas na Biblioteca Central de Oeiras que também frequento. Ai, ai, ai! Livro raro é aquele que é emprestado e devolvido. Please não dêem força ao aforismo! É, gosto muito de livros! E daqui a menos de 15 dias, este ano mais cedo, a 30 de Abril, começa a Feira do Livro de Lisboa. Não me importaria nada até de ter uma livraria com bar para tertúlias!

Cat disse...

Jorge: desculpa...! =$ Mas se estiveres interessado nalgum dos 3 livros que tenho aqui, como somos amigos, posso 'emprestar-tos' (posso emprestar-tos, ahah!)... tipo tráfico por fora da Biblioteca :P

É mau, eu sei!

Patrícia B. disse...

Já fui entregar um livro à biblioteca com o prazo de mais de um ano (a Sra. até me disse os dias que apareceram no computador, um nr. grandinho, mas já não me recordo), e a dita Sra. ainda teve a simpatia e gentileza de me agradecer pelo facto de eu simplesmente o ter ido entregar, ainda com tanto tempo de atraso, pois "mais vale tarde que nunca" ! =)

Fiquei super contente ! P