19 de setembro de 2011

mulheres, essa espécie temível.



Ter de me preparar mentalmente para enfrentar uma mulher de trombas comigo fez-me ter muuuita pena do meu namorado quando tem me enfrentar nesse estado.

14 comentários:

António disse...

então imagina quando não são namoradas e ainda assim temos que..."enfrentar" o "prender de burro"... =/ not easy... =| (e pronto aqui somos também nós homens, a dar uma de coitadinhos...lol)

Bloguótico disse...

Lá está...

... o universo maculino é agora para ti mais perceptível! :p

hernameishistory disse...

Eles próprios também têm os seus dias, tem que haver muita paciência dos dois lados ahah

Mas confesso, sou uma cepa quando estou rabugenta, o melhor é que ele acha piada a esse meu estado e diz que fico muito fofinha (o que na altura não acho piada nenhuma xD)

São dias!

Beijinho!

Paulinho disse...

pois. nao é nada fácil enfrentar-vos nao '-.-

Vicky disse...

E quando essa pessoa trabalha contigo todos os dias? Uma mulher que parece que tem o periodo 365 dias por ano!

Lady Me disse...

Ai, força! Só de pensar! Nós, quando queremos, somos mesmo do pior!

Dexter disse...

A expressão é: "pernas para que te quero".

...Ju... disse...

eles, na barriga da mãe, aprendem a lidar com isso e, a maioria, até se desenrasca!

S* disse...

Somos ruins, somos.

Satine disse...

ahahaha lindo! é mesmo!

Red disse...

mamãe? mamãe de trombas ainda é pior do que qualquer simples mulher de trombas -.-'

Paulinho disse...

agora que vejo bem, como é possivel alguém tar de trombas contigo???

Cat disse...

António, oh pá, agora estou mesmo a ficar com pena x)

Bloguótico, sim, provei do meu próprio veneno xD

hernameishistory, eu acho que nós somos (ou vá, comseguimos ser, se quisermos, temos todas aquele "dom" cá dentro) beeeeem piores do que eles. Eu consigo ser insuportável.

Paulinho, exacto, logo eu, uma menina tão bem comportada ^^

Vicky, tsché, isso não pode ser bom!

Lady Me, somos malvadas!

Dexter, foi o que senti na pele, eheh.

...Ju..., hum, achas? Alguns...

S*, se somos x)

Satine, ^^

Red, não. Se fosse mamãe chateava-me menos que já estou habituada. Desenvolvi um mecanismo que faz off no meu cérebro enquanto ela refila (schiiiu! :P )

JB disse...

Oi Catzinha,
tenho andado muito afastado desta vida dos blogues...não tenho tido muito tempo...agora com o inicio de aulas devo ter mais..(faz sentido, não faz?)...

Eu só nunca hei-de conseguir perceber aquela vossa "altura do mês"..passam do 8 ao 80 com uma velocidade...nessa altura, é ela: "Apetece-me passear...vamos dar uma volta de carro?" ao que eu respondo: "Não me apetece...prefiro ir até ali aquele sitio.." quando na verdade o que a minha cabeça está a pensar é: "Porra! Nem pensar! Prefiro estar num sitio cheio de gente onde não te possas passar comigo ou simplesmente ir pra casa...cada um para a sua!". É mais ou menos isto...Bj